FICÇÃO

NOTA 8,5/10

A morte e a morte de Quincas Berro D’água, de Jorge Amado | Resenha

O título já indica: Joaquim Soares da Cunha, também conhecido pela vida arruaceira como Quincas Berro D'água, morreu. Morreu fisicamente e, por ser muito querido, deixou um ar de tristeza em seus amigos. Até porque o personagem era famoso pelas ruas de Salvador, por onde andava com a cachaça na cabeça e em busca das mulheres de sua vida… ⁣

LEIA MAIS

Desafio Bookster, FICÇÃO

NOTA 9,5/10

Amada, de Toni Morrison | Resenha

Não há dúvidas que algumas leituras exigem mais do leitor. Às vezes, começamos uma obra e, mesmo depois de várias páginas, ainda sentimos dificuldades para compreender por onde a autora está nos conduzindo.

LEIA MAIS

Desafio Bookster

NOTA

#DesafioBookster2020 | Julho

Acho que até agora essa foi uma das escolhas mais fáceis de acertar. Quando se fala em autora de ficção científica, um dos primeiros nomes que vem à cabeça é Ursula K. Le Guin.

LEIA MAIS

FICÇÃO

NOTA 9/10

Ninguém escreve ao Coronel, de Gabriel Garcia Márquez | Resenha

Eu gosto muito da escrita do Gabo, da forma com que ele cria enredos simples, até cômicos, mas ao mesmo constrói ambientes riquíssimos e desenvolve personagens marcantes. São narrativas tão gostosas de ler e, ao mesmo tempo, responsáveis por despertar reflexões sobre relações humanas, problemas sociais e peculiaridades da nossa condição.⁣

LEIA MAIS

FICÇÃO

NOTA 9/10

Fabián e o caos, de Pedro Juan Gutierrez | Resenha

Ambientado em uma Cuba assolada por intrigas políticas, em plena transição da Revolução, “Fabián e o caos” relata os encontros e desencontros entre duas pessoas muito diferentes. De um lado temos Pedro Juan - inspirado no próprio autor - que vive em busca de sexo e álcool. De outro lado conhecemos Fabián, um personagem peculiar, com traços introvertidos e que nutre uma paixão pelo piano. Além disso, Fabián é homossexual.⁣

LEIA MAIS

FICÇÃO

NOTA 8/10

Flores para Algernon, de Daniel Keyes | Resenha

Até que ponto a ciência pode interferir na natureza humana? E quais as consequências? Nessa obra, o limite entre ciência e ética foi testado. Um experimento conduzido em uma universidade promete algo aparentemente louvável: melhorar a inteligência daqueles que, por motivos diversos, vivem com alguma deficiência intelectual. ⁣⁣

LEIA MAIS

NÃO FICÇÃO

NOTA 7,5/10

O sol ainda brilha, de Anthony Ray Hinton | Resenha

Quando se discute como o poder judiciário pode ser falho, são casos como o de Anthony Hinton que vem à cabeça. Imagine passar 30 anos no corredor da morte, enquanto se tenta de toda forma mostrar que não cometeu um crime, para, só então, ser declarado inocente. Foi esse nível de injustiça que o autor sofreu e busca compartilhar em sua autobiografia.⁣

LEIA MAIS