PERFIL

Pedro Pacífico

Sou advogado e sempre gostei muito de ler. Na verdade, já tive fases de mais leituras, e outras de menos, mas nunca deixei de ter um livro na minha cabeceira. Em meados de 2017, fiquei com vontade de criar um espaço no Instagram para dividir minha opinião sobre os livros que lia. Como a leitura é um hábito, infelizmente, não tão valorizado em nosso país, sentia falta de poder conversar com outras pessoas que também partilhavam do amor pelos livros.
E foi aí que nasceu o Book.Ster por Pedro Pacífico.
Diariamente compartilho dicas, sugestões e críticas com os seguidores. E agora, cerca de um ano após a criação da página, decidi colocar as resenhas em um site, para conseguir levar para um público cada vez mais abrangente os benefícios da leitura.
É o que sempre digo e não canso de repetir: Leitura é hábito diário! Leia todos os dias, ao menos 3 páginas, e com isso você consegue manter esse hábito de extrema importância.
E aí, já leu hoje?

DIVERSOS

NOTA 8,5/10

A vida invisível de Eurídice Gusmão, de Martha Batalha – Resenha

A obra da autora brasileira Martha Batalha originou o filme “A vida invisível”, escolhido recentemente para disputar uma vaga pelo Brasil na categoria de filme internacional do Oscar de 2020.

LEIA MAIS

CLÁSSICOS, FICÇÃO, NÃO FICÇÃO

NOTA

Escolhas da vez!

No início de todo mês mostro para vocês as minhas escolhas, que costumo fazer com base em quatro categorias...

LEIA MAIS

DIVERSOS

NOTA

“Não foi bem assim – verdades e cicatrizes de um julgamento”, de Francisco Almeida Prado | Resenha

Apesar de ter sido publicado em 2016, quando li a sinopse do livro achei que estava diante de um lançamento. É que, independentemente de posição política e sem fazer qualquer juízo de valor, o autor criou uma narrativa muito atual...

LEIA MAIS

Desafio Bookster, FICÇÃO, NÃO FICÇÃO

NOTA

#DesafioBookster2019 | Outubro

LEIA MAIS

FICÇÃO

NOTA 9,5/10

Persépolis, Marjane Satrapi | Resenha

A autora iraniana resolveu escrever sua autobiografia em forma de quadrinhos para contar os fatos que marcaram a sua – nada comum – infância e juventude...

LEIA MAIS

DIVERSOS

NOTA 9,5/10

O olho mais azul, de Toni Morrison | Resenha

A literatura é uma poderosa ferramenta de empatia. Ela nos permite enxergar situações corriqueiras a partir de perspectivas que são totalmente estranhas à nossa realidade e que nunca teríamos acesso se não fosse por meio dos livros. E terminar a leitura dessa obra apenas confirma esse seu papel...

LEIA MAIS