DIVERSOS

NOTA 9/10

Silêncio, de Shusaku Endo | Resenha

Publicado em 1966 e vencedor do Prêmio Tanizaki (um dos principais prêmios literários do Japão), “Silêncio” é uma ficção histórica envolvente e que conseguiu me transportar para um período da História pouco conhecido, mas extremamente interessante: a ida de jesuítas europeus, principalmente portugueses, para tentar levar a fé cristã à população japonesa.

LEIA MAIS

CLÁSSICOS

NOTA

Lendo mais clássicos | Dica de leitura

“A metamorfose”, de Franz KafKa, é inegavelmente um clássico: trata de sentimentos humanos atemporais. É a angústia e o desprezo sentidos por Gregor Samsa, um jovem caixeiro viajante que, de um dia para o outro, se vê transformado em um asqueroso inseto...

LEIA MAIS

CLÁSSICOS, FICÇÃO

NOTA 9/10

Rúdin, de Ivan Turguêniev | Resenha

Turguêniev foi o primeiro autor russo a se consagrar no ocidente e, por isso, suas obras costumam ser mais acessíveis. Inclusive, foi dele a primeira obra da literatura russa que li - “Pais e filhos” - e que logo entrou para a lista de livros favoritos da minha vida...

LEIA MAIS

FICÇÃO

NOTA 8/10

Cloro, de Alexandre Vidal Porto | Resenha

Narrado a partir de um "personagem defunto", ao estilo machadiano de Brás Cubas,, “Cloro” é sobre a vida de um advogado bem-sucedido e típico pai de família, mas que passou seus dias atormentado pela sombra da sua sexualidade...

LEIA MAIS

FICÇÃO

NOTA

#DesafioBookster2019 | Maio

O tema do mês de maio foi um dos que trouxe mais dificuldades na hora de escolher a obra para a minha leitura. Talvez porque esse seja um tema de difícil abordagem em um livro de ficção...

LEIA MAIS

FICÇÃO

NOTA 10/10

A cor púrpura, de Alice Walker | Resenha

Escrita por meio de cartas, a obra de Alice Walker é considerada uma das mais importantes da literatura norte-americana. Retratando a triste vida de Celie, uma mulher negra que nasceu em uma família pobre do sul dos Estados Unidos...

LEIA MAIS

DIVERSOS, FICÇÃO

NOTA 7,5/10

Se a rua Beale falasse, de James Baldwin | Resenha

Considerado um dos grandes inovadores da literatura afro-americana nas décadas de 50/70, Baldwin cria uma romance carregado de reflexões sobre desigualdade social e racial...

LEIA MAIS