Veja também

LIVROS, NÃO FICÇÃO

Pacientes que curam, de Julia Rocha | Resenha

Adoro livros que envolvem o universo médico e, por conta disso, já havia recebido várias indicações do livro da Julia Rocha, - mulher, negra, mãe, cantora e que, além de tudo isso, também é médica da família. Em textos curtos, a autora compartilha com os leitores a sua vivência como médica do Sistema Único de Saúde (SUS - aliás, viva o SUS!).

NOTA 9/10

FICÇÃO, LIVROS

Violeta, de Isabel Allende | Resenha

Já imaginou ler a história de alguém que nasceu em meio a gripe espanhola, na década de 20, e viveu para testemunhar o mundo paralisado pela pandemia em pleno 2020? Bom, é justamente essa linha de tempo contemplada por “Violeta” que, ainda por cima, conta com a escrita fantasiosa de Allende.

NOTA 9/10

LIVROS

NOTA 8,5/10

Laços, Domenico Starnone

Laços é uma obra sobre relações conturbadas, traição e a desmitificação da família perfeita. Vanda e Aldo, casados há mais de cinco décadas, ainda sofrem com um episódio de infidelidade que marcou sua relação. Esse assunto é rememorado quando o casal, ao voltar de uma viagem de férias, encontra o apartamento em que vivem completamente revirado. Na organização de cartas e fotos, as lembranças vêm a tona e, com isso, o leitor passa a conhecer a época de crise vivida pelo casal a partir da versão de cada um: Vanda, no papel de traída e que sofre com a sensação de abandono, e Aldo, que simplesmente foi embora…

Apesar da banalidade do assunto abordado pelo autor, essa não é uma resenha fácil de ser feita. É difícil expor a alguém que não leu a obra o que um livro com um assunto de certa forma “clichê” pode trazer de tão bom. Para mim, o sucesso desse romance italiano está na humanização dos personagens e na realidade com que seus sentimentos são apresentados. A leitura é bem rápida e instigante, com diálogos fortes e muito bem construídos. Gostei muito do significado por trás do título da obra, que vai muito além da simples ideia de laço emocional e é destrinchado pelo autor ao longo da narrativa. O final também é excelente!

Há boatos de que Starnone seria o marido da autora por trás do pseudônimo Elenta Ferrante, ou até mesmo que Starnone seria o verdadeiro autor de suas obra, e que Laços seria uma resposta a uma das obras de sucesso de Ferrante, “Dias de abandono”. Além disso, os leitores enxergam uma nítida semelhança entre as obras dos dois – ou um só! – autores. Não sei se é verdade e também nunca li nada de Elena Ferrante, mas se essa semelhança entre as obras de fato existir, fica fácil de compreender os motivos do sucesso que os romances da autora italiana vêm fazendo.

.

.

.

“Em toda casa há uma ordem aparente e uma desordem real.”

 

Se você gostou, compre o livro clicando no link e ajude a página a se manter: https://amzn.to/2IJrk0I

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado.

Campos obrigatórios são marcados*.

Nome*:

Email*:

Comentário*

Veja também

LIVROS

Augustus, John Williams

Depois de ter lido duas obras do autor - e ter gostado muito (Stoner e Butcher’s Crossing) - resolvi dar uma pesquisada e encontrei esse romance histórico com uma proposta genial!

NOTA 10/10

DIVERSOS

Livro físico ou eReader?

É bem comum receber perguntas sobre os eReaders, se vale a pena o investimento e se é fácil de se acostumar!

NOTA